Mês das Mães: A Secretaria Municipal de Saúde promove campanha com exames de preventivo e das mamas

Em comemoração ao Dia das Mães, lembrado em 12 de maio, a Secretaria Municipal de Saúde realizará no período de  27 a 31 uma campanha para exames preventivos, clínicos das mamas e solicitação de mamografia – os dois tipos de câncer que mais matam as mulheres no país.

A campanha será realizada no Posto Central (Postão), com início às 17 h até as 21h. A solicitação de mamografia estará disponível para o público feminino na faixa etária entre 50 e 69 anos. Os exames clínicos das mamas, assim como o preventivo, são gratuitos e realizados por profissionais da área da saúde que estão capacitados para acolher as pacientes.

“Nossos profissionais vão orientar as mulheres sobre a importância do autoexame e do exame clínico realizado por profissionais da saúde, ambos possibilitam a detecção precoce do câncer de mama. Esse procedimento é recomendado para todas as mulheres sexualmente ativas, independentemente da idade, por isso, o convite é para que todas as mulheres participem”, enfatizou a enfermeira Muriel Boeira, coordenadora da atenção primária da Secretaria de Saúde.

Para ser submetida ao exame é necessário que a mulher esteja com documento de identificação, cartão SUS e o cartão da Unidade que pertence.

Câncer de Mama

O câncer de mama representa o principal tipo de câncer na mulher e apresenta um bom índice de cura quando diagnosticado em fase precoce.

Geralmente o tumor se inicia na mama, pode atingir a axila e até mesmo aparecer em

outros órgãos, fato que chamamos de metástases. De acordo com o Hospital do Câncer

de Barretos “Fundação Pio XII”, a extensão do tumor determina a forma de tratamento,

sendo assim necessárias as medidas de autocuidado da mama como o autoexame e a

mamografia.

Preventivo

O objetivo principal desse exame é detectar o câncer de colo de útero em estágio precoce ou anormalidades nas células que podem estar associadas ao desenvolvimento desse tipo de tumor. Ele também pode encontrar condições não cancerígenas, como infecções viróticas no colo do útero, tais como verrugas genitais causadas pelo HPV (papilomavírus humano) e herpes, infecções vaginais causadas por fungos, como a candidíase ou por protozoários, como o Trichomonas vaginalis.

Top